BahiaPolícia

Mototaxista que matou colega por disputa de passageiro é condenado a 16 anos de prisão

G1 – O mototaxista Francisco Leite Barbosa, que matou o colega de trabalho depois de uma disputa por passageiro em Juazeiro, no norte da Bahia, foi condenado por homicídio qualificado a cumprir 16 anos e 11 meses de reclusão.

O julgamento aconteceu na quinta-feira (4), no Fórum Conselheiro Luiz Viana Filho, e o júri acatou como procedente a acusação. A pena poderia chegar a 30 anos.

A defesa já recorreu e a apelação segue para o Tribunal de Justiça da Bahia (TJBA) até que seja marcado o julgamento do recurso. Os advogados dizem que a decisão dos jurados foi contrária à prova dos autos. Apesar de condenado, ele vai responder em liberdade até o julgamento dos recursos.

O crime ocorreu em maio de 2018, quando Francisco e a vítima, Alan Kardec Magalhães Vicente, se desentenderam próximo ao Mercado do Produtor, em Juazeiro. A vítima chegou a ser socorrida por colegas para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e, de lá, transferido para o Hospital de Traumas, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Francisco chegou a ser preso, mas recorreu à Justiça em 2019 e passou a responder o processo em liberdade.

Etiquetas

Notícias VCA

Notícias Vitória da Conquista - Seu portal de Notícias de Conquista e toda Bahia.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar